Room-office: uma solução em tempos de pandemia

Em entrevista, Bruno Baia, representante do Guest Urban, explica como funcionou o desenvolvimento e como é a hospedagem em room-office.

Com o turismo afetado por conta da pandemia, a hotelaria corporativa teve que se adaptar. O cancelamento dos eventos presenciais, maiores indutores de demanda, por exemplo, reduziu as taxas de ocupação. Como resultado, acabou comprometendo a saúde financeira dos empreendimentos.

Assim sendo, hotéis buscam todos os dias adaptações e soluções para melhorar o rendimento em tempos de pandemia. Atualmente uma das propostas que vem sendo utilizada é a transformação das acomodações internas e privativas em room-office.

Room-office: uma solução em tempos de pandemia

Em resumo, o room-office é uma espécie de escritório privado, que deve oferecer mesa, cadeira e, inclusive, Wi-Fi de alta velocidade, para que o hóspede possa trabalhar com tranquilidade e conforto. Além disso, é de suma importância a disponibilidade de uma televisão, para que em momentos de descanso o usuário possa se desconectar dos profissionais, em momentos de descompressão.

Apartamentos pequenos, internet instável, a necessidade de cônjuges também trabalhar e as aulas dos filhos via ensino a distância, por exemplo, são algumas das razões que levam os indivíduos a buscar essa nova solução.

E, então, os “quatros-escritórios” estão sendo visados e procurados por quem precisa. Nesse sentido, um dos hotéis que utilizaram o room-office como solução foi o Guest Hurban Hotel, localizado no bairro de Pinheiros, em São Paulo.

O room-office na prática:

Conversamos um pouco com Bruno Baia, representante do Guest Urban, com o objetivo de saber um pouco mais, na prática, como funciona o desenvolvimento desse estilo de hospedagem:

Blog Hospitalidade Brasil: Que tipo de serviços o room-office do Guest Urban oferece?

Bruno Baia: Utilizamos uma sala de escritório, já presente em nossas dependências, para receber pessoas de diversas funções. Tivemos como hóspedes profissionais da educação, utilizando o espeço para aplicar aulas; empresários, que faziam reuniões em nosso room-office e até youtubers, que utilizaram o espaço como estúdio.

Leia também:

Os planos para o room-office são diários ou long-stay?

Nós optamos por utilizar duas estratégias para alugar o espaço. A primeira opção era uma diária completa em nosso room-office. Já a segunda era o aluguel pelo período de algumas horas, com o mínimo de duas horas de ocupação.

Quais planos o Guest Urban tem para o futuro?

No momento, com toda a conturbação causada pela pandemia do Covid-19 nós não pensamos em planos a longo prazo. Estamos tentando sobreviver à crise dando um passo de cada vez, dia a dia.

Inovações e tendências da hospitalidade

Por fim, que tal saber as mais importantes informações e novidades do setor hoteleiro? Acompanhe o Blog Hospitalidade Brasil, o portal de conteúdo da Equipotel. Além disso, publicamos sempre tendências com o intuito de inspirar os atuantes do setor para melhorias em suas atividades.