Dicas para criar área externa de qualidade em seu bar ou restaurante

0
343
área externa em restaurantes

Com a reabertura de bares e restaurantes, várias medidas estão sendo tomadas para garantir a confiança e segurança dos clientes, inclusive a criação e/ou adaptação de áreas externas. Saiba mais!

Áreas externas ou com ventilação natural estão sendo mais utilizadas, conforme sugestão de autoridades sanitárias e associações do setor. Por isso, a equipe do Blog Hospitalidade Brasil fez uma seleção de orientações para você criar ou reformar a área externa de seu bar ou restaurante.

Assim, você poderá se inspirar e estruturar sua área externa para o novo momento do setor! Acompanhe:

Comece estruturando sua área externa por meio do projeto

De antemão, quando se pensa em realizar reformas ou mudanças em seu empreendimento, é necessário avaliar a planta baixa do ambiente, para saber quais alterações podem ser feitas. “Antes de qualquer coisa, é preciso avaliar as principais características do seu restaurante e se faz sentido sua marca ter atendimento em espaço externo. Você deve avaliar os prós e contras desse investimento. Espaço contemplativo e ar puro versus uma área externa que recebe sol e chuva direto, poeira, vento”, comenta Pamella Gonçalves, arquiteta especializada em comércios.

Outro ponto a ser avaliado é a quantidade de pessoas a serem atendidas nessas áreas externas. Isso porque, com a redução de ocupação para 40% e 6 horas de atendimento, o bar ou restaurante precisa entender como será a estrutura desse espaço. “Começa-se mensurando qual o espaço preciso para essa implantação: considerando fluxo de pessoas, área de atendimento, mesas e cadeiras, logística, suporte, saídas de emergência (que vai variar de acordo com o porte da sua empresa). A mesma operação que você tem em uma área interna deverá ser proposta também para uma área externa. Muitas vezes não na mesma proporção, mas deverá ser considerada na sua totalidade”, complementa a arquiteta.

Atente-se aos materiais específicos

Se sua área externa não tiver proteção contra condições climáticas, como tetos, é preciso pensar em como serão os materiais e itens desta área. Porcelanatos, por exemplo, podem ficar escorregadios quando molhados, portanto, devem ser evitados. “Hoje em dia, a tecnologia atende as mais diversas especificações: madeiras ecológicas, fibras sintéticas, tecidos à prova. É preciso entender a proposta do lugar e adequá-la aos materiais do mercado. Lembrando também que, por serem materiais que ficarão expostos ao clima, o tempo entre manutenções é menor, mesmo sendo próprios para isso”, explica Pamella Gonçalves.

Verifique as autorizações necessárias para reformas

Apesar do empreendimento ser seu, é necessário verificar as autorizações necessárias para executar uma reforma. Esta precaução garantirá, dentre outras coisas, uma maior segurança tanto com as autoridades locais quanto aos negócios e colaboradores envolvidos.

Inclusive, atualmente estão suspensos o uso de calçadas e vias públicas para consumo, com o intuito de evitar a aglomeração de pessoas. E, posteriormente, mesmo que essa prática seja regularizada, é importante verificar com a prefeitura local as autorizações necessárias para esse fim. Em outras palavras, não se deve fazer uso desse espaço sem a licença da prefeitura local, ok?

Veja o que comenta a arquiteta: “Para a execução do projeto, as legislações locais e os órgãos competentes deverão ser consultados para evitar contratempos futuros, pois varia de um local para outro. Por isso, é fundamental sempre contratar um profissional que possa orientar, projetar e executar o projeto, eliminando possíveis dores de cabeça e economizando em gastos desnecessários”.

+Leia também: 4 tipos de aplicativos que vão potencializar a retomada de bares e restaurantes

Busque mais orientações e soluções com quem entende do assunto!

Por fim, é importante procurar direcionamento não apenas sobre áreas externas, como também soluções gerais focadas em bares e restaurantes. A ABRASEL, por exemplo, traz uma série de cursos na Rede ABRASEL com o objetivo de expandir conhecimentos sobre diversos assuntos desse segmento. Na plataforma, disponível para associados e não associados, traz conteúdos sobre planejamento, questões trabalhistas, financiamento de crédito, delivery, equilíbrio emocional para administração do negócio, dentre outros.

A propósito, a associação incentiva que os empreendimentos que tiverem ambientes externos com ventilação natural façam uso dessa modalidade para auxiliar na segurança e retorno da clientela. Por outro lado, recentemente também apresentou mais tendências que pautarão os restaurantes do futuro.

Agora que você sabe mais sobre áreas externas para bares e restaurantes, descubra 12 novas soluções voltadas para o mercado da hospitalidade.

Continue acompanhando as tendências e novidades do setor, aqui, pelo Blog Hospitalidade Brasil.